Cientistas apontam 2º paciente com HIV curado após transplante

Cientistas consideram que um londrino, que está em remissão do HIV há um ano e meio, é o segundo paciente no mundo com o vírus a ser curado, 12 anos depois do primeiro, segundo veículos de imprensa dos Estados Unidos.

Divulgado na segunda-feira (4) pela revista britânica Nature, o caso é "prematuro demais" para se declarar oficialmente curado, mas os especialistas falam abertamente de "cura" em entrevistas, após um ano e meio sem tomar medicamentos anti-HIV, segundo o jornal The New York Times.

O HIV do "Paciente de Londres", que permanece em anonimato, começou sua remissão como consequência de um transplante de medula óssea cujo objetivo era tratar o câncer que também sofria.

O caso é quase idêntico ao de Timothy Brown, conhecido nos meios médicos como "Paciente de Berlim", que em 2007 foi o primeiro paciente declarado curado do HIV.

Nos dois casos, as cédulas ósseas que receberam vieram de doadores com um gene CCR5 disfuncional. Outros pacientes de HIV que receberam transplantes de cédulas com o gene CCR5 funcional, tiveram melhora e ficaram meses sem medicação, mas o vírus retornou.

A cura desse segundo paciente seria de vital importância, já que o "Paciente de Berlim" deixaria de ser mais um caso isolado.

"Ninguém duvidava da veracidade sobre o 'Paciente de Berlim', mas era um só paciente. E qual das muitas coisas que foram feitas contribuíram para a aparente cura? Não estava claro que se pudesse repetir", disse ao jornal The Washington Post, o chefe do setor de doenças infecciosas do Hospital Brigham and Women's, de Boston, Daniel Kuritzkes.

Embora seja improvável que os transplantes de medula óssea sejam estabelecidos como tratamento para o HIV por causa do risco que carregam, células imunes semelhantes poderiam ser usadas, dizem os especialistas.

"Isso motivará as pessoas de que a cura não é um sonho. É alcançável", disse ao NYT a médica Annemarie Wensing, virologista do Centro Médico Universitário de Utrecht, na Holanda.

Em declarações ao jornal nova-iorquino, o "Paciente de Londres" considerou "surreal" e "arrasador" que um apenas transplante tenha lhe curado do câncer e HIV.

"Sinto-me responsável por ajudar os médicos a entender como isso aconteceu para que eles possam desenvolver a ciência", afirmou. "Eu nunca pensei que haveria uma cura durante a minha vida", acrescentou.

Fonte: www.radiopiratuba.com.br

Outras Notícias

Aluna ameaça realizar massacre em escola no RS

Algumas imagens que circularam pelo aplicativo de bate papo WhatsApp nos últimos dias levaram professores da Escola E...

Bretas mandou grampear oito celulares de Temer antes da prisão

Um dia antes da prisão do ex-presidente Michel Temer, o juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal do Rio, autorizou que...

Lama da barragem de Brumadinho contamina Rio São Francisco

Após decretar a morte do rio Paraopeba, por causa da lama que desceu da Barragem da Vale, em Brumadinho, na Grande BH...

Moradora de Monte Carlo afirma ter visto lobisomem em rodovia da região

Uma moradora de Monte Carlo publicou, em seu perfil no Facebook, que viu um lobisomem, em uma rodovia da região. S...

Jovens têm menos chance de contratação e mais de serem demitidos

O mercado de trabalho é mais severo com as pessoas de 18 a 24 anos. De acordo com o Instituto de Pesquisa Econômica A...

Dois alunos de escola em Suzano permanecem internados em São Paulo

Dois alunos feridos no atentado ocorrido na Escola Estadual Professor Raul Brasil, no município de Suzano, no último ...

Conselho Europeu analisa proposta britânica para adiar Brexit

O Conselho Europeu se reúne hoje (21) para analisar a proposta da primeira-ministra britânica, Theresa May, para adia...

Policiais civis participam de treinamento

Doze policiais civis dos municípios de Ponte Serrada, Xanxerê, Xaxim e Abelardo Luz participaram, nesta quarta-feira ...

Detran lança versão digital de documento do veículo

Alinhado à modernização e inovação dos serviços públicos, o Departamento Estadual de Trânsito (Detran) de Santa Catar...

Comissão Europeia multa Google em 1,49 bilhão de euros

A Comissão Europeia multou o Google em 1,49 bilhão de euros por violar as regras antitruste (formação de cartéis, tru...

Bolsonaro avalia versão final da reforma previdenciária dos militares

O presidente Jair Bolsonaro reuniu hoje (20), no Palácio da Alvorada, ministros de Estado e os comandantes da Forças ...

Araújo: dispensa de status especial na OMC nos coloca como país grande

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, disse hoje (20) que ao abrir mão do tratamento diferenciado que o...