Produção de grãos no Brasil deve crescer 1,6% este ano, diz IBGE

A produção de cereais, leguminosas e oleaginosas deve fechar 2019 com 230,1 milhões de toneladas, um crescimento de 1,6% (mais 3,6 milhões de toneladas) em relação a 2018.

A terceira estimativa do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola, realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), é 0,6% mais otimista do que a previsão anterior, de fevereiro (mais 1,3 milhão de toneladas).

A área colhida estimada é de 62,3 milhões de hectares, ou seja, 2,3% maior do que a de 2018 e 0,6% superior ao total previsto em fevereiro.

Entre as três principais lavouras de grãos do país é esperada alta na produção de 2018 para 2019 apenas para o milho (11,9%), que deverá fechar o ano com 91,04 milhões de toneladas.

Estimam-se quedas para as safras da soja (-4,5%), com produção estimada de 112,52 milhões de toneladas, e para o arroz (-10,6%), com safra de 10,5 milhões de toneladas.

Entre os demais grãos, que têm produção calculada acima de um milhão de toneladas, são esperadas altas para o algodão herbáceo (26,7%) e feijão (3,1%). Por outro lado, devem ter queda o sorgo (-5,4%) e o trigo (-3%).

Outros produtos
O IBGE também analisa outros produtos, além dos cereais, leguminosas e oleaginosas. Entre eles, a cana-de-açúcar, que é o principal produto agrícola nacional, com uma produção estimada para este ano de 676,98 milhões de toneladas, ou seja, 0,4% a mais do que em 2018.

Para os demais produtos com safra calculada em mais de um milhão de toneladas, devem crescer as safras de banana (2,4%), mandioca (5,6%) e tomate (0,8%). São previstas quedas nas produções de café (-10%), batata-inglesa (-1,5%), laranja (-5,2%) e uva (-9,7%).

Fonte: agenciabrasil.ebc

Outras Notícias

Governo anuncia novas regras para a Lei Rouanet

O Ministério da Cidadania anunciou hoje (22) as novas regras para o financiamento de projetos culturais por meio da L...

Sul representa 25% do déficit previdenciário do país

Dos seis estados brasileiros com o maior déficit previdenciário, três são da região Sul, conforme estudo da Federação...

Nova atualização do WhatsApp para Android pode bloquear capturas de tela

Você se preocupa com capturas de telas das suas conversas no WhatsApp? Apesar de ter criptografia ponta a ponta na co...

FMI concede empréstimo emergencial de US$ 118 milhões para Moçambique

O Fundo Monetário Internacional (FMI) aprovou financiamento emergencial de US$ 118,2 milhões para Moçambique. A ajuda...

Bolsonaro: com reforma, quem ganha menos pagará menos

O presidente Jair Bolsonaro postou mensagem hoje (19), em sua conta do Twitter, sobre a reforma da Previdência. No po...

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio estimado de R$ 60 milhões

A Mega-Sena sorteia neste sábado (20) um prêmio acumulado, cuja a estimativa da Caixa pode chegar a R$ 60 milhões. A ...

Nova etapa da Campanha contra a Gripe começa nesta segunda-feira

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe entra em uma nova etapa na próxima segunda-feira (22) em todo o país....

Edição do Prefis 2019 não terá prorrogação e é a última dos próximos quatro anos

Os contribuintes com débito em atraso com o Estado de Santa Catarina têm até o dia 28 de junho para aderir ao Program...

Atleta capinzalense vence a Meia Maratona UNIMED em Chapecó

A atleta Letícia Jaskiu conquistou o primeiro lugar na Meia Maratona UNIMED, disputada no domingo, dia 14, em Chapecó...

Coreia do Norte testa novo tipo de arma guiada tática

A imprensa estatal da Coreia do Norte informou que, nessa quarta-feira (17), o líder do país, Kim Jong-un, supervisio...

Entregue a documentação para concessão do Aeroporto de Chapecó

A Administração Municipal informa que foi realizada na tarde desta quinta-feira (17), na sede da Secretaria Nacional ...

Aprovado projeto que bane uso de canudos de plástico em Santa Catarina

A Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) aprovou nesta terça-feira o projeto de lei que obriga os estabelec...