Governo lança calculadora que simula contribuição e aposentadoria com as regras da reforma da Previdência

O governo federal lançou em seu Portal de Serviços uma calculadora que permite tanto aos segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), quanto aos servidores, descobrir de quanto será sua contribuição e quando poderão se aposentar, segundo as regras da reforma da Previdência. Por enquanto, apenas a simulação da alíquota de contribuição está disponível, mas o site informa que o cálculo da aposentadoria poderá ser feito em breve.

Para utilizar a calculadora, o segurado deverá informar se é servidor público federal (Poder Executivo, Legislativo e Judiciário da União) ou filiado ao INSS (empregado, doméstico, trabalhador avulso). Também será necessário colocar o valor do salário atual. O aplicativo, então, mostrará uma comparação, revelando a contribuição do usuário pela regra atual e o novo valor de contribuição, segundo novas regras.

Hoje, são três percentuais de contribuição para o INSS estabelecidos de acordo com a faixa de renda do empregado com carteira assinada: 8%, 9% e 11% (o cálculo é feito sobre todo o salário). Mas os percentuais, agora, vão variar de 7,5% a 14%, e as alíquotas serão progressivas, ou seja, o cálculo será feito sobre cada faixa de salário, como ocorre no Imposto de Renda.

Para os servidores, haverá oito alíquotas previdenciárias, de 7,5% a 22%. Atualmente, a alíquota é de 11% para todos.

Na página da calculadora, o usuário também tem acesso ao texto da PEC 6/2019. Os serviços estão disponíveis para computador e dispositivos móveis.

O aplicativo informa que a simulação não possui efeito legal nem garante o direito ao benefício.

O serviço está disponível em www.servicos.gov.br/calculadora/.


Fonte: www.radiopiratuba.com.br

Outras Notícias

CCJ aprova parecer a favor da reforma da Previdência

A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados aprovou na noite dessa terça-feira (23), por um placar d...

Brasileiros acreditam que inflação será de 5,3% nos próximos 12 meses

A expectativa mediana dos consumidores brasileiros para a inflação nos próximos 12 meses é de 5,3%, segundo pesquisa ...

Artistas e produtores analisam mudanças na Lei Rouanet

Artistas, produtores e representantes de entidades culturais se manifestaram hoje (24) sobre as mudanças promovidas p...

CBMSC e PMSC participam da Operação Tiradentes

A partir das 7h da manhã desta quarta-feira, 24, o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC) e a Polícia M...

Governo anuncia novas regras para a Lei Rouanet

O Ministério da Cidadania anunciou hoje (22) as novas regras para o financiamento de projetos culturais por meio da L...

Sul representa 25% do déficit previdenciário do país

Dos seis estados brasileiros com o maior déficit previdenciário, três são da região Sul, conforme estudo da Federação...

Nova atualização do WhatsApp para Android pode bloquear capturas de tela

Você se preocupa com capturas de telas das suas conversas no WhatsApp? Apesar de ter criptografia ponta a ponta na co...

FMI concede empréstimo emergencial de US$ 118 milhões para Moçambique

O Fundo Monetário Internacional (FMI) aprovou financiamento emergencial de US$ 118,2 milhões para Moçambique. A ajuda...

Bolsonaro: com reforma, quem ganha menos pagará menos

O presidente Jair Bolsonaro postou mensagem hoje (19), em sua conta do Twitter, sobre a reforma da Previdência. No po...

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio estimado de R$ 60 milhões

A Mega-Sena sorteia neste sábado (20) um prêmio acumulado, cuja a estimativa da Caixa pode chegar a R$ 60 milhões. A ...

Nova etapa da Campanha contra a Gripe começa nesta segunda-feira

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe entra em uma nova etapa na próxima segunda-feira (22) em todo o país....

Edição do Prefis 2019 não terá prorrogação e é a última dos próximos quatro anos

Os contribuintes com débito em atraso com o Estado de Santa Catarina têm até o dia 28 de junho para aderir ao Program...